terça-feira, 15 de maio de 2018

Vento...



Sê paciente; espera
que a palavra amadureça
e se desprenda como um fruto
ao passar o vento que a mereça.

Eugénio de Andrade
in, Os Amantes sem dinheiro

Sem comentários: