quarta-feira, 13 de dezembro de 2006

Um caminho de palavras...


Pintura de Susan Rios


Sem dizer fogo – vou para ele. Sem enunciar as pedras, sei que as piso – duramente, são pedras e não são ervas. O vento é fresco: sei que é vento, mas sabe-me a fresco ao mesmo tempo que a vento. Tudo o que eu sei, já lá está, mas não estão os meus passos e os meus braços. Por isso caminho, caminho porque há um intervalo entre tudo e eu, e nesse intervalo, caminho e descubro o meu caminho.
Mas entre mim e os meus passos há um intervalo também: então invento os meus passos e o meu próprio caminho. E com as palavras de vento e de pedra, invento o vento e as pedras, caminho um caminho de palavras.

Caminho um caminho de palavras
(porque me deram o sol)
e por esse caminho me ligo ao sol
e pelo sol me ligo a mim

E porque a noite não tem limites
alargo o dia e faço-me dia
e faço-me sol porque o sol existe

Mas a noite existe
e a palavra sabe-o.

(António Ramos Rosa in "De Sobre o Rosto da Terra" - 1961)

26 comentários:

João Moutinho disse...

Vale sempre a pena passar por este blog. A sua beleza é contagiante.

Sulista disse...

...admiro a tua capacidade de criação de Blogs e tds com muita qualidade. Eu já me vejo 'aflita' com um só :-)

Outro (terceiro) beijito
;-)

DE PROPOSITO disse...

'Por isso caminho '.....' e descubro o meu caminho.
Na vida existe muita complexidade, e facto de seguirmos um caminho, de percorrermos um caminho, não significa que seja o nosso caminho. Por vezes caminhamos, caminhamos e o caminho andado nunca será o nosso.
Fica bem.
Manuel

Thunder disse...

Gosto muito deste poema.
Também já o escrevi no meu blog há um tempo!

http://sentircomaspalavras.blogspot.com/2006/11/um-caminho-de-palavras.html

Bom trabalho.

Anónimo disse...

Passei por aqui para encontrar um pouco de paz e alegria... Obrigado pelo poema e o "oleo" que são muito bonitos.

Aproveito para desejar-te uma noite muita feliz

Do amigo, "montanheiro"

Anónimo disse...

Bom dia, gostava de te pedir para me enviares um email, tenho novidades bjs sofialisboa

Passeando no Parque disse...

Uma perola de palavras!
É didicil te comentar no meio de tanta beleza
Parabéns por tudo isto que nos ofereces
Beijão em vc

António Melenas disse...

È sempre um prazer passar por este jardim. Há sempre uma flor para colher.
bjs

O Sibarita disse...

Olá! O poema e o quadro é de uma fineza contagiante... Tudo combina!

abraços,
O Sibarita

Anónimo disse...

Maravilhoso Refúgio!
Adorei os poemas e as fotos.
Vou colocar o teu link no meu blog, espero que não te importes.
Beijinhos!

Joe Nunes disse...

Uma escolha perfeita. Um dos mais belos textos poéticos de Ramos Rosa e uma imagem que por ela só já é a expressão do poema!
Cpmtos do J.N.

Daniel Aladiah disse...

Festas felizes, Menina
Um beijo
Daniel

Paula Raposo disse...

Magníficas estas palavras no meu caminho!! Beijos.

maresia_mar disse...

Só uma pessoa com interior muito rico, tem capacidade para escolher as coisas que se escreve, como tu o fazes!

Aproveito para desejar que este ano o Natal aconteça no teu coração. feliz Natal.
Entre o Natal e o Ano Novo vou ter umas mini férias por isso desjo que 2007 te traga amor, harmonia e muitos sorrisos. Beijos

Anónimo disse...

António Ramos Rosa. Gosto tanto.
Beijinhos


Bom Natal e um Ano Novo cheio de coisas maravilhosas para ti e para os teus..

Filipe Freitas disse...

Encontrei uma "Rosa Brava" no meu blog - "quem será ?...
E "Rosa Brava... heterónimo de
Menina Marota", como é dito na apresentação da autora, me trouxe aqui pela primeira vez.
Bonito poema de António Ramos Rosa, assim como a Pintura de Susan Rios.
Adorei !
Um Abraço.

Anónimo disse...

:| És a Menina Marota e eu nem reparei. Desculpa. Sou a Joana do Cabeça na Lua, do Sanguinis Lunae e do recente No País das Macieiras, como já constatas-te.
********

{{coral}} disse...

Olá Menina,

...mas existe a noite, e a palavra sabe-o... belas palavras de Ramos Rosa.
E porque existem rosas lindissimas neste cantinho, volto sempre, e fico maravilhada.
Desejo-te um Santo Natal, e que 2007 seja muito melhor em paz,e luz que nos encha a alma.

Um beijo
{{coral}}

CM disse...

Deejo-te um Natal cheio de brilho e doces afectos.

BEijo

Peter disse...

BOAS FESTAS

Um Bom Natal e um Bom (huuummm ...?) 2007

asminhasbijuterias disse...

desejo um santo e feliz natal
bjs

pedro alex disse...

Não consigo disfarçar a timidez.
Um Enorme Feliz Natal para ti.

aaron@iol.pt disse...

Minha querida e linda amiga: não tenho vindo ler-te e acabo por perder esta magia contagiante que aqui partilhas; encanto-me sempre com as tuas escolhas e a musica maravilhosa que aqui colocas.
Deixo-te um beijo pelas horas plenas de encanto que me dás nas tuas páginas e o desejo sincero e absoluto que tenhas Um Natal cheio de tudo de bom, na companhia dos teus familiares e amigos
Aaron

Antonio Stein disse...

Saudades de visitar este cantinho.

BOAS FESTAS e,
tudo de BOM

Beijinho
António

ps.
li,ouvi e gostei.PArabéns!

DE PROPOSITO disse...

FELIZ NATAL e Bom Ano novo 2007.
Felicidades.
Manuel

amita disse...

Que um suave aroma espalhe alegria e ternura neste Natal.
Que 2007 te traga muito amor, Paz e doces sorrisos.
Um bjinho grande