quarta-feira, 16 de junho de 2010

Música e palavras...


Imagem de Tony Hawk


Há no mistério das palavras
viagens indecifráveis
desejos omitidos
tristezas alienadas
alegrias sentidas
lágrimas partilhadas.

Há no mistério da música
a alma da arte do sentir
o pilar que sustenta o enigma
de geração em geração.

O sopro a solo único bendito
do canto da alma de amar
sempre e sempre o Dó e o Fá
que bailam com o Si e o Mi
que velejam em Ré ao
Sol da esperança do Lá…

Na ternura do abraço da conjugação
palavras e música despem-se de preconceitos
e juntas
dançam a melodia do meu coração.


4 comentários:

Jaime A. disse...

Há tanto mistério em que nos embrulhamos, que não evitamos.
E também uma partilha tão bem descrita.
Abraço.

Je Vois la Vie en Vert disse...

Cara Rosa Brava,

Agradeço a tua visita no meu cantinho verde e as tuas gentis palavras.
A música faz parte da minha vida porque canto como soprano num coro não-profissional e particularmente música sacra.
Agora, juntar lindas palavras para falar da música agradou-me imenso. É um belo poema que fez com que ouvi música lendo as tuas belas palavras.

beijinhos

Verdinha

AFRICA EM POESIA disse...

Linda poesia.
Poesia é das coisas mais belas que a vida tem.
Para mim um livro de poesia é... Paixão .

deixo...em apontamento...

sábado vou estar ás 19 horas na feira do livro no PORTO pavilhão B/35 e B/37 para uma sessão de autógrafos dos meus ultimos 2 livros .( SPORTING EM POESIA e Pais e Mães)Perto das 5 horas Já lá estarei para ter tempo para um café tranquilo...Com quem quizer estar comigo.Espero-a a si ou a quem passar por aqui e morar pertinho do Porto

Nilson Barcelli disse...

"O sopro a solo único bendito
do canto da alma de amar"

Não há poesia tua que eu não goste.
Os teus versos são únicos, pois nunca ninguém o disse como tu.
E são belos, porque sabes dar a cor certa a cada imagem que crias.

Beijos, querida amiga.